Grupo Vivência Clínicas de Recuperação de Dependentes Químicos e Alcoólicos

Resgatando Vidas

NOSSO BLOG

Programas de 12 Passos em Clínicas para Dependentes Químicos: Um Caminho para a Recuperação

Penumbra de duas pessoas subindo uma montanha com uma pessoa dando a mão para outra em ato de ajuda. Programa-de-12-passos-em-Clinicas-de-recuperacao-para-dependentes-quimicos-em-campinas-e-regiao-grupo-vivencia

O que você vai ler neste artigo:

A dependência química é uma doença crônica e progressiva que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. O tratamento para a dependência química pode ser complexo e desafiador, mas é possível se recuperar.

Os programas de 12 Passos são um tipo de tratamento para dependência química que se baseia no apoio mútuo e na espiritualidade. Esses programas são oferecidos por diversas organizações, incluindo clínicas de recuperação.

Como funcionam os programas de 12 Passos

Os programas de 12 Passos são baseados em um sistema de 12 passos, que são diretrizes para ajudar os dependentes químicos a se recuperarem. Os passos são:

  1. Admitir que somos impotentes perante o álcool ou drogas – que nossas vidas se tornaram incontroláveis.
  2. Chegar à crença de que um Poder maior do que nós mesmos pode devolver-nos à sanidade.
  3. Decidir entregar nossas vontades e nossas vidas aos cuidados de Deus, da maneira como Ele se revela a nós.
  4. Fazer um minucioso inventário moral de nós mesmos.
  5. Admitir a Deus, a nós mesmos e a outro ser humano a natureza exata de nossos erros.
  6. Prontificar-nos a aceitar a Deus para remover todos esses defeitos de caráter.
  7. Humildemente pedir a Ele que nos remova nossos defeitos de caráter.
  8. Fazer uma lista de todas as pessoas a quem prejudicamos e estar dispostos a reparar os danos.
  9. Reparar diretamente os danos causados a quaisquer pessoas, sempre que possível, exceto quando isso prejudicar a si ou a outros.
  10. Continuar fazendo o nosso inventário pessoal e, quando estivermos errados, admitir prontamente.
  11. Buscar, através da prece e da meditação, melhorar nosso contato consciente com Deus, da maneira como Ele se revela a nós, rogando apenas o conhecimento de Sua vontade para nós e o poder de executá-la.
  12. Tendo experimentado um despertar espiritual, como resultado destes passos, procurar transmitir esta mensagem a outros alcoólicos e praticar esses princípios em todas as nossas atividades.

Os programas de 12 Passos são geralmente realizados em grupos, com a orientação de um facilitador. Os participantes do grupo compartilham suas experiências, seus sentimentos e seus desafios.

Como surgiu o programa de 12 passos?

O programa dos 12 passos surgiu em 1935, nos Estados Unidos, com a fundação de Alcoólicos Anônimos (AA). Os fundadores do AA, Bill Wilson e Dr. Bob Smith, eram alcoólatras que não conseguiam se recuperar com os tratamentos disponíveis na época. Eles começaram a se reunir para compartilhar suas experiências e ajudar uns aos outros a se manter sóbrios.

Vantagens dos programas de 12 Passos

Os programas de 12 Passos oferecem uma série de vantagens para os dependentes químicos, incluindo:

  • Apoio mútuo: Os participantes do grupo podem se apoiar uns aos outros e compartilhar suas experiências.
  • Espiritualidade: Os programas de 12 Passos enfatizam a importância da espiritualidade no processo de recuperação.
  • Redução do estigma: Os programas de 12 Passos podem ajudar os dependentes químicos a se sentirem menos estigmatizados.

Desvantagens dos programas de 12 Passos

Os programas de 12 Passos também apresentam algumas desvantagens, incluindo:

  • Não são adequados para todos: Os programas de 12 Passos podem não ser adequados para todos os dependentes químicos.
  • Exigem comprometimento: Os programas de 12 Passos exigem um compromisso de tempo e esforço.
  • Não são suficientes: Os programas de 12 Passos podem ser um complemento eficaz ao tratamento para dependência química, mas não são suficientes por si só.

Processos de entrada no mundo das drogas

O uso de drogas pode ocorrer por diversos motivos, como curiosidade, influência de amigos ou familiares, problemas emocionais ou psicológicos, ou até mesmo como uma forma de escapar da realidade.

Curiosidade

A curiosidade é um dos principais fatores que levam as pessoas a experimentar drogas. Muitos jovens, por exemplo, experimentam drogas pela primeira vez por curiosidade, sem saber os riscos que estão correndo.

Influência

A influência de amigos ou familiares também é um fator importante. Muitas pessoas começam a usar drogas por influência de pessoas próximas, que as incentivam ou até mesmo as forçam a usar.

Problemas emocionais ou psicológicos

Algumas pessoas usam drogas para lidar com problemas emocionais ou psicológicos, como depressão, ansiedade ou estresse. As drogas podem proporcionar uma sensação de bem-estar e alívio temporários, mas podem piorar os problemas a longo prazo.

Escapismo

Algumas pessoas usam drogas como uma forma de escapar da realidade. As drogas podem proporcionar uma sensação de fuga da realidade, que pode ser atraente para pessoas que estão passando por momentos difíceis.

Leia também: Para que servem as clínicas de recuperação para dependentes químicos

Como evitar determinadas situações que podem levar ao uso de drogas:

  • Falar com os filhos sobre os riscos do uso de drogas. Os pais devem conversar com os filhos sobre os perigos das drogas e os motivos pelos quais eles não devem usá-las.
  • Estabelecer limites claros. Os pais devem estabelecer limites claros sobre o que é aceitável e o que não é. Isso inclui regras sobre o uso de álcool e drogas.
  • Ser um bom exemplo. Os pais devem ser um bom exemplo para os filhos. Isso significa não usar drogas e ter um estilo de vida saudável.
  • Buscar ajuda profissional. Se você ou alguém que você conhece está lutando contra o uso de drogas, procure ajuda profissional. Existem diversos recursos disponíveis para ajudar as pessoas a se recuperarem do vício.

Importância da família no processo de recuperação

A família desempenha um papel fundamental no processo de recuperação da dependência química. O apoio da família pode ser essencial para o dependente químico durante a internação e após a alta.

Condução do dependente químico à uma clínica

O primeiro passo para a recuperação é a internação do dependente químico em uma clínica de reabilitação. A família pode desempenhar um papel fundamental nesse processo, incentivando e apoiando o dependente químico a buscar tratamento.

Influência da família durante o tratamento

Durante a internação, o apoio da família é fundamental para o dependente químico. A família pode ajudar o dependente químico a se adaptar ao ambiente da clínica, a enfrentar os desafios do tratamento e a manter a motivação para a recuperação.

A família também pode contribuir para a recuperação do dependente químico após a alta da clínica. A família pode oferecer apoio emocional, ajudar o dependente químico a reconstruir sua vida e evitar a recaída.

Recomendações para a família

A família pode desempenhar um papel fundamental no processo de recuperação da dependência química. No entanto, é importante que a família esteja preparada para o desafio.

Aqui estão algumas recomendações para a família de dependentes químicos:

  • Busque orientação profissional: É importante buscar orientação profissional para entender a dependência química e o processo de recuperação.
  • Esteja disponível para o dependente químico: O dependente químico precisa de apoio e compreensão da família durante o tratamento.
  • Não culpe o dependente químico: A dependência química é uma doença, não uma escolha.
  • Encoraje o dependente químico a participar de atividades terapêuticas: As atividades terapêuticas podem ajudar o dependente químico a se recuperar.
  • Mantenha a comunicação com o dependente químico: A comunicação é essencial para o sucesso do tratamento.
  • Evite a recaída: A família pode ajudar o dependente químico a evitar a recaída.

Saiba mais sobre o papel da família como apoio de dependentes químicos neste artigo.

A dependência química é uma doença complexa que pode afetar toda a família. O apoio da família é fundamental para o sucesso do tratamento e da recuperação.

Conclusão

Os programas de 12 Passos podem ser uma opção eficaz para o tratamento da dependência química. Esses programas oferecem uma série de vantagens, incluindo apoio mútuo, espiritualidade e redução do estigma.

No entanto, é importante ressaltar que os programas de 12 Passos não são adequados para todos e não são suficientes por si só. É importante buscar orientação profissional para avaliar o melhor tratamento para cada caso.

Se o seu familiar estiver passando por situação de dependência química ou alcoólica, o Grupo Vivência possui mais de 15 anos encaminhando dependentes químicos para as melhores e mais confiáveis clínicas que darão todo o suporte e apoio necessário ao adicto e à família.

Clique no botão do WhatsApp abaixo ou ligue agora mesmo.

Nosso plantão é 24 horas por dia!


Aqui estão algumas indicações de livros sobre o tema abordado:

Além desses livros, existem diversos outros recursos disponíveis sobre o tema da dependência química e do tratamento. É importante buscar orientação profissional para avaliar o melhor tratamento para cada caso.

Aqui estão algumas indicações de sites e organizações que oferecem informações e recursos sobre o tema:

Referências:

  • Alcoólicos Anônimos. (2023). [Site oficial]. Recuperado de https://www.aa.org/
  • **Brasília, C. D. (2019). Os 12 passos dos Alcoólicos Anônimos: Uma análise histórica e sociológica. São Paulo: Editora Unesp.
  • **Wilson, W. L. (2002). Como eu me recuperei. São Paulo: Editora Pensamento.
Comente o que achou
Veja mais
Posts relacionados